S. João Bosco

Patrono de todos os ilusionistas: São João Bosco,

Nasceu em Piemonte - Itália, a 15 de Agosto de 1815. A vida e obra deste apóstolo da juventude está mais que divulgada e patenteada em óbices como:educador emérito; escritor com dezenas de obras; artista circense, mas sobretudo o sacerdote de Bechi, aquele que foi o fundador das escolas-oficinas destinadas a rapazes desamparados, os "Birichinis" ; das colónias anuais de férias para os mesmos; das Confrarias salesianas; das Irmandades das Filhas de Maria do Perpétuo Auxilio, destinadas a ser para as meninas o mesmo que os salasianos para os rapazes.

Quando ainda seminarista, tornou-se notável pela execução dos truques de magia. O arcipreste do colégio, sabendo que o vulgo o considerava "feiticeiro", mandou-o chamar à sua presença, e disse-lhe: Muita gente afirma que és bruxo; que engoles toda a classe de objectos, que depois devolves de novo sem o menor esforço; que restituis a vida a animais, depois de mortos, que com cartas, moedas, bolas e ovos de galinha, fazes "peloticas" que todos consideram "artes do diabo". João Bosco escutou com atenção e respeito as observações do arcipreste; e quando ele se calou , fez-lhe entrega da sua bolsa, do relógio, e de outras pequenas coisas que lhe havia escamoteado durante o interrogatório, sem que ele desse por isso. O arcipreste riu-se da brincadeira, e compreendeu que toda a falada bruxaria atribuída ao João Bosco, não passava de uma extraordinária habilidade de ligeireza de mãos - prestidigitação pura!

O padre João Bosco faleceu no dia 31 de Janeiro de 1888, e foi proclamado Santo por Pio XI, em 1 de Abril de 19 34. Festejado canonicamente pela Igreja a 31 de Janeiro, também neste dia os ilusionistas se reunem para das mais diversas formas honrar o seu patrono.

VER TUDOVER MENOS

Saiur

Biografia em Construção

VER TUDOVER MENOS

Salazars

Entrou para o C.I.F. - Clube Ilusionistas Fenianos (Secção de Ilusionismo do Clube Fenianos Portuenses) pela mão de René (Renato Caldevilla) em 1968, tendo tido como principal mestre Joferk (Fernando Coimbra), entre outros; Adoptou como seu primeiro nome artístico "Kalunga" em homenagem ao mistério e misticismo africanos, influenciado pela sua vivência em Angola como criança primeiro, e depois como Marinheiro da Armada; Fez parte de várias Direcções do C.I.F. entre 1975 e 1985, e do Clube Fenianos Portuenses durante 3 mandatos num total de 6 anos; Em 1975 optou pelo nome artístico de Joy.

Colaborou como assistente do espectáculo do mágico americano John Calvert no Teatro Sá da Bandeira em 1975. Em 1978 co-organiza as "1ªs. Jornadas Mágicas Cidade de Lamego". Foi elemento da Organização dos eventos "MagicPorto" em 1983 e 1984; No ano anterior aparece com nova imagem e com a sua mulher Maria Madalena formam "Joy & Lay".

Biografia de Prémios

1º Prémio com o grupo "Os Aladinos" em Luz Negra no IV Festival Mágico da Figueira da Foz em 1977;
6º Prémio em Magia Geral no V Festival Mágico da Figueira da Foz em 1979;
4º Prémio em Magia Geral no VI Festival Mágico da Figueira da Foz em 1982;
2º Prémio em Magia Geral na Convenção API/86 em Lisboa;.
2º Prémio em Grandes Ilusões na Convenção API/86 em Lisboa;
2º Prémio em Grandes Ilusões no 1º Congresso Português de Ilusionismo em 1987;


Em 1987 renovou a rotina de Magia Geral e criou a de Grandes Ilusões , sob o nome artístico de "Joy & Companhia", tendo contado com a preciosa ajuda e conselho do seu amigo e compadre Fred Allen (Ivo de Sousa).

Detém inúmeros diplomas e placas de participação e agradecimento de variadas Associações Recreativas e Culturais de todo o País, pelas suas actuações graciosas, não só para estas associações, como para outras de carácter beneficente e filantrópico ;

Esteve presente nos congressos da F.I.S.M. (Federação Internacional das Sociedades Mágicas), algumas das vezes como representante oficial do C.I.F. - Clube Ilusionistas Fenianos e por uma vez representante de Portugal, em: Vienna (Austria) em 1976; Bruxelas (Bélgica) em 1979; Lausanne (Suiça) em 1982; Madrid (Espanha) em 1985, Dresden (Alemanha) em 1997, Lisboa em 2000, e 2003 em Haia (Holanda).
Colaborou como organizador das "Jornadas Mágicas Cidade de Lisboa" em 1980; Actuou e/ou apresentou vários espectáculos denominados "O Cantinho do Nicolau" durante 8 anos consecutivos. Em 1992 actuou durante 3 semanas no "Monumental Circo do Coliseu do Porto".
Colaborou também na organização de alguns Festivais e Congressos na Figueira da Foz; Elemento da organização anual dos "Magic Valongo" em 1994, e desde 1996 regularmente até à corrente data; Fez parte do Júri num concurso levado a efeito no C.I.F., durante as comemorações do S. João Bosco em 2001.

Actuou como convidado em Galas de vários Festivais e Congressos nacionais; Colaborou na feitura do Orgão do C.I.F. "A Folha Mágica", tendo subscrito vários artigos em revistas da especialidade; Foi várias vezes artista convidado do programa da RTP "às Dez"; Actuou nos Estados Unidos da América e Espanha; Actuou durante 3 anos consecutivos com rotinas do "Close-up" no Hotel D. Henrique no Porto aos Domingos à hora do almoço; Mantém em actividade 3 rotinas: Magia Geral, Parlour Magic e Close-up; Profissionalmente, actua regularmente em Teatros, Cinemas, Hotéis, Boîtes, Casinos e Televisão, apresentando rotinas em Inglês, Francês e Castelhano.

É solicitado para MC - apresentador / animador de espectáculos não só de ilusionismo como de variedades. Nos últimos anos especializou-se no trabalho de produção, contra-regra e direcção de bastidores em espectáculos mágicos que desempenha com agrado, tendo sido convidado para essas funções na maioria dos mais importantes eventos mágicos realizados em Portugal nos últimos anos. Em 2000 foi convidado pela API, enquanto entidade organizadora, para Director de Palco para os concursos na FISM '2000 em Lisboa. A partir de Abril de 1998, e inserido num processo a médio prazo de renovação de imagem, mentalidade e rotinas, corporizou e assumiu o novo nome artístico de

SALAZARS - Magic Show

VER TUDOVER MENOS

Salguery

Biografia em Construção

VER TUDOVER MENOS

Savil

Francisco Fernando Silva Castro, nome artístico Savil
Natural da Freguesia da Vitória (Porto), exerceu a actividade de bancário.

Apaixonado por Ilusionismo desde 1950, atuou como amador em vários países da Europa.
Foi discípulo das mais destacadas personagens do Ilusionismo Português e Espanhol:
Prof. Armindo Matos, Eduardo Relvas, Martins Oliveira, Dr. Pires de Carvalho, Eduardo Franco e Rui Sá
(Saiur), Bernart e Alfredo Florensa (escritores) e Sandy (El mago del naipe).

REFERÊNCIAS LITERARIAS

Lecciones de Ilusionismo – Dr. Alfredo Florensa (Espanha) – 1960/1984
Dicionário do Ilusionismo em Portugal – Eng. Camacho Barriga – 1985
Subsídios Históricos do Ilusionismo em Portugal – Eng. Camacho Barriga – 1986
Who’s Who in Magic – An International Biographical Guide – Dr. Bart Whaley – (USA) - 1990
Nomes e Factos do Ilusionismo em Portugal – Eng. Camacho Barriga - 1994

PUBLICAÇÕES ONDE COLABOROU

Colaborador das seguintes revistas especializadas:
O Ilusionista – Portugal – 1956/1961
Magia – Portugal – 1960/1965 – Ocupou os cargos de chefe da redação e diretor
Tacape Mágico – Brasil – 1974/1977
Os Quatro Ases – Portugal – 1975/1977
O Mágico – Portugal – 1993/1998
Maya Vigian (India) - 2000/2007
Várias notas de conferência relativas ao Ilusionismo
Colaboração dispersa em revistas estrangeiras.
ASSOCIATIVISMO
Director do CIF - Clube Ilusionista Fenianos
Presidente da Assembleia Geral da API - Associação Portuguesa de Ilusionismo -1991/92
Membro de várias Associações nacionais e estrangeiras, com destaque para:
IMS – International Magicians Society - USA
Goodwill Magic Club - India
PRINCIPAIS CARGOS
Membro do Júri de vários Festivais e Congressos Nacionais e Estrangeiros
Presidente do VII Congresso Português de Ilusionismo de 2016
Presidente do Júri do MagicValongo 2017
Elemento das equipas que organizaram o “MagicPorto” e também dos Congressos Nacionais de 1987-1989-
1993 (Figueira da Foz) e 2001 (Valongo).
Coordenador de “Encontro de Magos Manchegos” La Mancha (Espanha)
Coordenador de “Estrellas Máxicas” Orense (Espanha)
Desde 1992 que é elemento da Comissão Organizadora do “MagicValongo” Festival Internacional de
Ilusionismo.
PRÉMIOS
Medalha de Vermeil da Academia Portuguesa de Ilusionismo
Insígnia de Competência do Clube Ilusionista Fenianos
Medalha de Prata (Historic Member) do Goodwill Magic Clube – Índia
Medalha de Prata da Associação de Ilusionistas de Cuenca - Espanha
Vários Prémios em Congressos e Festivais nacionais e estrangeiros, destaque para o prémio obtido na classe
de Invenção no I Congresso Português de Ilusionismo – Figueira da Foz -1987 .

Actualmente integra a direcção do MagicValongo.

VER TUDOVER MENOS

Serip

Biografia em atualização

VER TUDOVER MENOS

Solange Cardinal

Biografia em Construção

VER TUDOVER MENOS